banner

banner

quinta-feira, 30 de março de 2017

Sindicato propõe “ouvidoria interna” no MP RN

mp
Luiz Felipe Paz de Almeida, presidente do Sindicato dos Servidores do Ministério Público o RN, vai propor a criação de uma comissão que funcionará como uma “Ouvidoria Interna” para receber reclamações e servidores quando à atual gestão administrativa do órgão. A proposta é reflexo do “inconformismo funcional” que motivou a ação de Guilherme Wanderley Lopes da Silva em abrir fogo contra os procuradores geral e adjunto de justiça, Reinaldo Reis Lima e Jovino Pereira Sobrinho, respectivamente, e ainda no promotor Wendell Beetoven.
“Faremos o pedido para a formação da Comissão para análise dos casos. Tem vários relatos de opressão, mas não podemos confirmar isso agora. Nos últimos quatro anos, alguns servidores jovens se aposentaram por problemas psiquiátricos e iremos investigar esses casos”, informou o presidente do Sindsemp/RN. Sobre o episódio com Guilherme Wanderley, preferiu resumir como um “momento delicado” e estimou pela recuperação dos feridos e pela ” integridade mental” do atirador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário