banner

banner

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Governo pode aumentar linha de corte para isenção do IR

Presidente Michel Temer no Palácio do Planalto, em Brasília. 09/05/2017 REUTERS/Ueslei Marcelino
O presidente Michel Temer confirmou que o governo pode aumentar a linha de corte para isenção do Imposto de Renda e voltou a defender que o Senado não altere a Reforma Trabalhista. O peemedebista conversou na manhã desta segunda-feira com jornalistas de rádios, em Brasília.
Questionado sobre a possibilidade de uma nova medida da chamada agenda positiva, como aconteceu com a liberação dos saques do FGTS, Temer disse que o assunto está em análise, mas garantiu que, “se possível”, ela será adotada.
“Se você aumenta a faixa de isenção do IR, está permitindo que muita gente possa economizar no pagamento do tributo para investir, aplicar”, resumiu. O presidente adiantou que o governo já nota um crescimento nas compras no setor do varejo, fato que, na avaliação do Planalto, está atrelado a liberação das contas inativas do FGTS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário