banner

banner

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Lula é indiciado mais uma vez pela PF por suspeita de corrupção passiva

lula
Após analisar novas provas colhidas com lobistas investigados na Operação Zelotes, a Polícia Federal indiciou o ex-presidente Lula, nesta segunda-feira (15), sob suspeita de corrupção passiva em esquema envolvendo a compra de medidas provisórias, que teria movimentado R$ 6 milhões, destinados ao PT. Além dele, outras 12 pessoas serão alvo de investigação do Ministério Público.
“Cabe destacar o destino dos R$ 6.000.000,00 (seis milhões de reais), que segundo o documento seria ‘seis mi (para a campanha)’, ou seja, o valor seria para abastecer campanha de Partido Político, provavelmente por meio de ‘caixa 2’, a exemplo do que foi muito observado e comprovado ao longo das investigações da ‘Operação Lava Jato’”, diz o texto do relatório.
Os indícios que comprometem o petista são anotações de reuniões, trocas de e-mails e encontros de Lula com o lobista Mauro Marcondes, que começaram a partir de 2009, quando Lula era presidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário