banner

banner

domingo, 7 de maio de 2017

Romero Jucá assume relatoria da reforma trabalhista na CCJ

Romero Jucá
Mesmo com a decisão do comando do Senado de recuar e encaminhar o projeto da reforma trabalhista tramitar também na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, o governo conseguiu articular para que o presidente da Comissão, Edison Lobão (PMDB-PE), indicasse como relator o líder do governo Romero Jucá (PMDB-RR), e não um senador alinhado com o líder do PMDB, Renan Calheiros (PMDB-AL).
Calheiros se comprometeu, com as centrais sindicais, a não permitir que o texto aprovado na Câmara passe como está no Senado. Assim, os relatores indicados até agora na CCJ e na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), o tucano Ricardo Ferraço (PSDB-ES), não devem criar embaraços para a tramitação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário