banner

banner

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Rocha Loures guardou mala com R$ 500 mil no armário da mãe

230px-Rodrigo_Rocha_Loures
O trajeto da mala com os 500 mil reais, pagos pela JBS ao ex-assessor de Michel Temer Rodrigo Rocha Loures como propina, foi detalhado pelo taxista que conduziu o peemedebista ao encontro de Ricardo Saud, executivo da empresa.
Segundo reportagem divulgada pelo Fantástico, Rocha Loures seguia para o aeroporto de Congonhas, mas parou antes em dois endereços. No primeiro deles, em uma pizzaria, onde se encontrou com Saud, monitorado pela Polícia Federal. Ao sair com uma mala do estabelecimento, pediu que fosse levado para um outro endereço, a casa de seus pais, onde deixou a mala com o dinheiro no armário de sua mãe e, só depois, foi para o aeroporto.
Preso desde 3 de junho, Rocha Loures devolveu o dinheiro à polícia. Toda ação envolvendo sua conduta servirá de base para a denúncia que a Procuradoria-Geral da República apresentará contra Temer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário