banner

banner

quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Decisão do PSOL não afasta Carlos Alberto do novo Governo

Fátima e Carlos Alberto
O professor Carlos Alberto, que foi candidato a governador pelo PSOL, disse que permanecerá na equipe de transição da governadora eleita Fátima Bezerra (PT) para ajudar, com seus conhecimentos técnicos ao Estado. A afirmação ao Portalnoar.com é e resposta à nota do PSOL divulgada hoje para relembrar que no início do mês uma resolução da legenda proíbe que filiados assumam cargos no novo governo, inclusive na equipe de transição.
“Eu não estou na transição em nome do partido. Estou numa condição técnica porque o momento pede que esse novo governo dê certo. Estou de férias da universidade até o final do ano e não vejo impedimento em prestar serviço com meus conhecimentos”, disse. Carlos Alberto ficou em quinto lugar nas eleições deste ano, dentre os oito candidatos ao governo do RN, conquistando com 31.306 votos (1,93%).
Pela resolução, o PSOL diz que o filiado que desejar assumir cargos no governo deverá se desfiliar porque a legenda assumirá condição de independência da gestão, mesmo tendo colaborado com a vitória de Fátima no segundo turno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário