banner

banner

terça-feira, 27 de novembro de 2018

Sessão na Assembleia Legislativa homenageia campanha Lenço Solidário

Os participantes da campanha “Lenço Solidário” foram homenageados durante sessão solene na Assembleia Legislativa nesta terça-feira (27). Por iniciativa do deputado Kelps Lima (Solidariedade), a solenidade destacou os mais de 2 mil lenços arrecadados durante a edição deste ano.

“Eu vejo a campanha por dentro e consigo enxergar o bem que ela faz a todos nós. Sei quantos laços de amizades eternos foram criados entre os homens e mulheres que participam da campanha Lenço Solidário. Não apenas quem recebe os lenços, mas também quem doa é beneficiado. Só construiremos uma sociedade melhor se tivermos de mãos dadas”, disse Kelps, destacando ainda que a campanha foi realizada no período eleitoral, mas em nenhum momento ganhou conotação política.

O Lenço Solidário é uma campanha de arrecadação de lenços para serem doados às mulheres que perderam os cabelos na luta contra o câncer e é realizada em outubro, mês de combate e conscientização sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama.

Em 2016, primeiro ano da campanha, o Solidariedade Mulher conseguiu a doação de quase 300 lenços através de postos de coletas e doações individuais. Este ano foram arrecadados mais de 2 mil lenços. Durante a solene, foram entregues 500 lenços arrecadados à Rede Feminina Contra o Câncer e mais 500 ao Grupo Reviver.

A coordenadora da campanha Lenço Solidário e presidente do Solidariedade Mulher, Luciana Bezerra, falou em nome dos homenageados. “A campanha esse ano teve muitos desafios. Iniciamos a campanha no dia 10 de outubro e dois dias depois nós perdemos Ana Maria, a grande incentivadora do nosso grupo. Foi ela quem promoveu a primeira campanha em 2016. Sentimos profundamente a perda dela, mas conseguimos realizar a campanha em homenagem à ela”.

Luciana Bezerra destacou ainda que esse foi o ano que mais se arrecadou lenços, mas que “a campanha é importante não só pela quantidade de lenços arrecadados, mas também por tocar o outro e chegar mais perto das mulheres que sofrem com a doença”.

Ainda durante a solenidade, que contou também com a presença do deputado Hermano Morais (MDB)  e da deputada Cristiane Dantas (PPL), se chamou a atenção para necessidade de fazer o exame de prevenção, uma vez que o câncer de mama é o que mais mata mulheres no mundo, mas quando diagnosticado precocemente a chance de cura é de 95%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário